«

»

out 15 2018

Fora de casa, Vitória bate a Chapecoense e deixa a zona de rebaixamento

Em confronto direto contra o descenso, o Vitória bateu a Chapecoense por 1 a 0 neste domingo (14) na Arena Condá, em Chapecó, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. O triunfo magro, mas muito importante, veio graças ao gol de Lucas Fernandes, no primeiro tempo da partida.

Com o placar, o Vitória foi aos 32 pontos e agora ocupa o 14º lugar, enquanto a Chapecoense, que estacionou nos 31 pontos, entrou na zona de rebaixamento. O Leão volta a jogar pelo certame nacional no próximo domingo (21), às 16h, contra o Corinthians, no Barradão.

O JOGO

A Chapecoense começou o jogo buscando opções para o ataque. Aos cinco minutos, Yann Rolim cobrou falta na área, Leandro Pereira ajeitou de cabeça e Amaral quase acertou o cabeceio.

Lucas Fernandes perde grande chance

Após a chance do adversário, o Leão começou a dominar o jogo. Em jogada de contra-ataque, o Vitória quase cheogu ao empate no minuto oito. Lucas Fernandes recebeu de Erick, driblou Rafael Thyere com facilidade e bateu rasteiro. Caprichosamente, a bola passou raspando a trave.

Depois foi a Chapecoense que esteve perto do gol. Leandro Pereira recebeu lançamento, bateu de primeira ao ver o goleiro Ronaldo escorregar e a bola bateu na rede de fora.

Jandrei salva a Chape

O Leão quase marcou o primeiro aos 18. Após cruzamento na área, Alan Ruschel não alcançou e a bola ficou limpa para Lucas Fernandes, que bateu forte para grande defesa de Jandrei. Na sobra, Bou emendou uma bicicleta e a bola foi pra fora. Com 25, Lucas Fernandes recebeu passe de Bou na grande área, girou e bateu pra fora.

Lucas Fernandes volta a perder oportunidade

Aos 30 minutos, Lucas Fernandes avançou em velocidade, passou por Douglas e chutou cruzado, ao lado da meta defendida por Jandrei.

Lucas Fernandes faz o primeiro do Vitória

De tanto insistir, Lucas Fernandes conseguiu marcar e abrir o placar a favor do Vitória. Aos 37 minutos, Erick recebeu passe de Rodrigo Andrade na grande área, teve o chute rebatido e cruzou com maestria para Lucas Fernandes, que cabeceou firme e balançou a rede.

Segundo tempo

Nos primeiros minutos da parte final, o jogo ficou faltoso. Em menos de 15 minutos, quatro jogadores receberam cartão amarelo.

O primeiro lance perigoso só veio aos 16 minutos. Em cobrança de falta, Erick acertou o travessão do goleiro Jandrei.

Doffo “isola” empate da Chape

Aos 19 minutos, Bruno Silva avançou pela direita, cruzou rasteiro com desvio e Doffo, de frente para o gol, chutou por cima do gol. Com 26, André Lima tentou em cobrança de falta, mas a bola passou longe da meta.

A torcida e o time da Chapecoense reclamaram de pênalti aos 36 minutos, quando Alan Ruschel recebeu lançamento na grande área e caiu sozinho. A arbitragem mandou o jogo continuar.

Nos minutos finais, o Vitória sofreu pressão do adversário, mas conseguiu encaixar um bom contra-ataque aos 48 e acertou a trave com Léo Gomes. Logo na sequência, Bruno Silva avançou, passou por Jeferson, chutou e Alan Ruschel quase acertou a bola com a cabeça.(Bahia Notícias)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>